Libertinos

Relacionamento Com Deficiente Físico: Vamos Falar Um Pouco Sobre Essa Polêmica Tão Grande?

Eu conectei a Internet, digitei amputada em um site de busca, e me vi confrontada com um mundo que eu jamais soube que existisse. Porém, os websites pareciam ter, principalmente, o objetivo de explicar e defender as ações e motivações dos devotees. Em outras palavras, homens atraídos por mim. Devido aos olhares fixos e respostas hostis que eu normalmente recebia nas ruas, eu me sentia terrivelmente sem atrativos e estava convencida de que ninguém poderia amar alguém como eu. Ninguém - quer dizer - exceto um devotee. Em meus primeiros encontros com a comunidade de amputados e devotees, as mulheres com deficiência, nestas organizações, eram invisíveis para mim.

Mulher deficiente procura 346109

Trans- Procura Homem Sério e Decente de SP pra Namoro

É claro que existem algumas exceções e isso foi abordado pela mídia em novelas e filmes como a maioria de nós conhecemos. Entretanto, a peça boa é que do mesmo jeito que existe o preconceito, existem também as pessoas dispostas a assumir as situações quando o sentimento é pra valer. Nos relacionamentos que eu tenho visto ultimamente, as pessoas vêem qualquer probleminha e querem pular fora.. Quem quer assume as coisas. Em virtude disso, o que eu posso significar é o seguinte:. Logo, cabe a quem é deficiente físico sob qualquer que seja a deficiência, descobrir o seu próprio diferencial, trabalhando diariamente o seu próprio valor e oferecendo o seu melhor ao invés de focar nas dificuldades.

Namoro Com Deficiente Físico

Algumas fotos bonitas e uma bio divertida parece ser tudo o que as pessoas precisam para se dar benefício em aplicativos de relacionamento como o Tinder ou o Happn. O curiosidade é para driblar situações esquisitas e atuar até como uma espécie de filtro social. Abrir o jogo também é uma maneira de todas as partes alinharem as expectativas.

A procura de um companheiro

Isto porque os primeiros contatos virtuais por e-mails e outras formas de conversa via computador eliminam o impacto iniciativo, o estigma, os preconceitos herdados culturalmente de quem vê pessoas com deficiência pela primeira vez. E hoje temos até site de namoro só para pessoas com deficiência — embora pessoalmente acho que seja uma maneira de formar guetos! Consequência disso pode ser o início de namoros. Um tempo para se conhecer, um treino para ter uma vida a dois restante prolongada, casar, ter filhos, uma parentela. Vale lembrar que passamos em média as duas primeiras décadas de nossa vida em companhia da família; mas quando escolhemos alguém para casar, além-mundo de completar nossas necessidades afetivas e existenciais, também estamos escolhendo o companheirismo de uma pessoa para cuidar e sermos cuidados por resto da vida! Chegam a cometer o erro de desejar que o a filho a encontre alguém que tenha questões parecidas para ser mais bem compreendido a. À pessoa com deficiência e quem com ela estiver cabe ter maturidade afetiva, equilíbrio mental e bom sentido para encarar o desafio de viver um relacionamento sério na vivência do amor. O legal é que hoje temos a internet como aliada dos passos iniciais de encontro. O assunto abaixo foi escrito pelo amigo, psicólogo e escritor Emilio Figueira.

Comment

Leave a Reply